Como escolher e convidar os padrinhos de casamento?

Como escolher e convidar os padrinhos de casamento?

Depois de definir a data e o local do dia tão especial, começam os questionamentos e as expectativas sobre quem serão os padrinhos e as madrinhas. Desde o início, é necessário que os noivos tenham tranquilidade e se organizem para que o convite aos padrinhos seja feito com antecedência e todos reservem a data.

É importante, também, você saber como organizar a lista de convidados do casamento antes de definir e convidar os padrinhos da sua festa. Veja algumas dicas essenciais sobre lista de convidados com as fundadoras da Boutique de 3, uma das maiores assessorias de eventos do Brasil e marca parceira da Joliz.

A gente selecionou as principais dicas para que o momento de escolha e convite dos padrinhos de casamento não gere conflitos e vocês não se esqueçam de nenhum detalhe.

(Fonte: Pexels/Reprodução)
(Fonte: Pexels/Reprodução)

1. Definam a quantidade de casais de padrinhos e madrinhas de casamento

Para evitar que família e amigos interfiram na decisão, é importante que, antes de compartilhar com todos, os noivos já tenham clara a quantidade de madrinhas e de padrinhos de acordo com o perfil da festa com que sonham. Para definir quantos padrinhos e madrinhas estarão no casamento, é importante analisar dois pontos:

  1. Local e espaço: algumas igrejas podem limitar a quantidade de padrinhos e de madrinhas de casamento. Caso o espaço seja restrito, ter muitas pessoas no altar pode deixá-lo sobrecarregado, dificultando a visibilidade do casamento – além de não ser confortável para quem está no local.
  2. Tempo da cerimônia: dependendo do local e da reserva contratada, a entrada de todos os casais pode prejudicar os demais momentos da cerimônia por demorar demais; por isso, fiquem atentos ao tempo!
(Fonte: Pexels/Reprodução)
(Fonte: Pexels/Reprodução)

2. Conversem claramente e deixem os padrinhos e madrinhas de casamento à vontade

Afinidade e amizade não se forçam. Por isso, caso vocês queiram convidar apenas uma pessoa de um casal para ser padrinho ou madrinha do casamento, é preciso que sejam francos no momento da primeira conversa, para não gerar mal-estar.

O cerimonialista Roberto Cohen, parceiro da Joliz, orienta que os noivos esclareçam na hora do convite como será a dinâmica. “Pode ser algo como: gostaríamos muito que você fosse nossa madrinha, porém queria apenas você. Você aceita ser madrinha sem seu marido?”, explica.

Caso o cônjuge do convidado fique desconfortável, vale abordar os motivos para justificar a decisão de convidar apenas uma parte do casal. Novamente, o diálogo é parte essencial para que todos entendam a importância do evento e as razões que motivaram as escolhas.

(Fonte: Pixabay/Reprodução)
(Fonte: Pixabay/Reprodução)

3. Organizem e convidem todos os padrinhos de casamento com antecedência 

Não existe regra, mas quanto mais específicas forem as características do casamento, mais tempo será necessário para as pessoas se organizarem pessoal e profissionalmente. Se vocês optaram por um modelo com um visual mais sofisticado e fazem questão de uma paleta de cores específica, o protocolo pede para convidar os padrinhos e madrinhas de 4 a 6 meses de antecedência.

Caso vocês tenham escolhido um formato mais leve e descontraído, em que os vestidos não tenham um padrão, por exemplo, podem seguir o prazo de 3 meses antes para fazer o convite aos padrinhos de casamento.

Vale ressaltar que em casos de Destination Wedding, que tem mais particularidades, os convites devem ser impressos apenas após a confirmação de presença, e a antecedência deve ser ainda maior; a indicação é de 6 a 8 meses.

(Fonte: Pixabay/Reprodução)
(Fonte: Pixabay/Reprodução)

4. Convidem os padrinhos e madrinhas de casamento em um evento ou individualmente

O ideal é que os padrinhos e madrinhas de casamento sejam os primeiros a serem convidados, independentemente do conceito da cerimônia. Pode ser um momento com todos os padrinhos ou em conversas individuais, dependendo do relacionamento do casal com cada padrinho e madrinha. O que importa é que todos estejam à vontade e que vocês deixem claro que o casal ou a pessoa são essenciais para que tudo seja perfeito.

Um convite especial, que seja uma recordação, também é uma forma de mostrar carinho e delicadeza ao convidar os padrinhos e madrinhas de casamento. Caso vocês não tenham disponibilidade de conversar presencialmente com os padrinhos logo que a data for fechada, uma opção é enviar um save the date para garantir a presença no evento e fazer o pedido oficial em outra ocasião. 

Fontes: Decorfacil, Joliz.

Posts relacionados

Joliz © 2021 - Todos os direitos reservados