6 dicas para organizar um casamento mais sustentável

6 dicas para organizar um casamento mais sustentável

O dia do casamento de vocês provavelmente será o melhor de suas vidas, mas as festas, em geral, costumam ser sinônimo de lixo acumulado e desperdício. Se vocês se preocupam com o meio ambiente, saibam que é possível tornar o casamento mais sustentável, sem perder o charme. 

Como explica o cerimonialista Roberto Cohen, cada casal tem uma visão do que pode ser trabalhado em relação ao seu meio social e ao meio ambiente. “E essa é uma preocupação que, felizmente, vem crescendo a cada ano e com força”, conta.

Confiram seis dicas para organizar um casamento sustentável e tornar a cerimônia mais ecológica.

1. Em vez de presentes de casamento, peçam doações 

No lugar de presentes, por que não pedir doações em nome de entidades que protegem o meio ambiente? (Fonte: Shutterstock)
No lugar de presentes, por que não pedir doações em nome de entidades que protegem o meio ambiente? (Fonte: Shutterstock)

O cerimonialista Roberto Cohen lembra que existem muitos casais que já moram juntos e têm a casa montada. Nesses casos, uma boa ideia de casamento sustentável é pedir que os presentes sejam revertidos em doações para instituições sociais ou de proteção ao meio ambiente.

Se esse não é o caso de vocês, é possível também selecionar itens que causam menos impacto ambiental para a sua lista de presentes de casamento, como utensílios de cozinha feitos de vidro e bambu ou eletrodomésticos que economizam energia. 

Ao priorizar na lista produtores e comerciantes locais, vocês também estarão contribuindo para uma economia mais sustentável.

2. Enviem convites de casamento virtuais ou feitos de material reciclável

Prefiram convites feitos de material biodegradável ou criem um convite virtual. (Fonte: Shutterstock)
Prefiram convites feitos de material biodegradável ou criem um convite virtual. (Fonte: Shutterstock)

Fazer os convites do casamento com papel reciclável ou optar por outros materiais biodegradáveis como papel semente, também é uma boa alternativa para diminuir a pegada de carbono do casamento. 

O papel semente, depois de usado, pode ser plantado e, em algumas semanas, transforma-se em uma muda de ervas ou flores. Além de sustentável, também é romântico. 

Outra alternativa para o casamento ecológico é dispensar o convite físico, aproveitar as facilidades que a tecnologia nos oferece e enviar os convites virtualmente. Nesse caso, o céu é o limite e vocês podem abusar da criatividade. Um álbum virtual, um livreto contando a história do casal, um convite em formato de videoclipe, vale tudo para que o convite desse casamento sustentável seja realmente inesquecível.

3. Substituam as flores de corte por vasos de plantas  no casamento sustentável

Vasos de plantas em vez de flores de corte diminuem a pegada de carbono da festa. (Fonte: Shutterstock)
Vasos de plantas em vez de flores de corte diminuem a pegada de carbono da festa. (Fonte: Shutterstock)

Não há dúvidas de que a decoração com arranjos de flores frescas já é uma tradição e fica linda. Entretanto, não é a melhor alternativa para quem quer um casamento ecológico. 

Há ainda o problema da espuma floral usada para hidratar e sustentar os arranjos, que é bastante poluente, pois vem do petróleo. 

Mas é possível sim usar flores no casamento sem prejudicar o planeta. Uma das alternativas é usar arranjos em vasos, como orquídeas, ou até mesmo folhagens, ervas e até árvores, que podem ser transplantadas para o jardim de vocês após o evento. 

Se optarem por flores de corte para o casamento, prefiram as sazonais e as que são cultivadas localmente. Vocês sabiam que existem empresas que cultivam flores de maneira sustentável, aproveitando a água da chuva para a irrigação, e que recolhem as flores usadas para compostagem? Embora ainda existam poucas no mercado brasileiro, vale fazer uma pesquisa para tornar o casamento mais sustentável dessa forma. 

Lembrando que esses arranjos também podem ser doados após a cerimônia e a festa para ONGs, que os distribuem em hospitais e em asilos, fazendo a alegria de muitas pessoas. 

4. Evitem itens de decoração descartáveis no casamento sustentável

Evitem o uso de itens de papel e plástico e prefiram peças alugadas e que poderão ser aproveitadas em outros eventos. (Fonte: Shutterstock)
Evitem o uso de itens de papel e plástico e prefiram peças alugadas e que poderão ser aproveitadas em outros eventos. (Fonte: Shutterstock)

Ainda sobre a decoração de um casamento sustentável, é possível criar um cenário inesquecível sem o uso exagerado de papéis e de plásticos. Embora sejam tradicionais, bexigas, confetes de papel laminado, excesso de embalagens, tags, forminhas de plástico para docinhos, acessórios de pista (como plaquinhas, óculos, colares e pulseirinhas de led) e outros elementos resultam em um grande acúmulo de lixo. 

No casamento ecológico, o melhor é preferir itens que possam ser alugados e reaproveitados em outros eventos e elementos de decoração naturais que, mesmo descartados, não poluem o meio ambiente. Um exemplo são as velas biodegradáveis, que não usam parafina e não soltam fumaça e fuligem.

O mesmo vale para o material usado para abençoar a saída dos noivos. Em vez de arroz ou papel picado, por que não fazer a chuva de folhas, pétalas ou sementes?

5. Ofereçam lembrancinhas úteis ou comestíveis

Lembrancinhas comestíveis como bem-casados ou macarons são sempre uma boa pedida. (Fonte: Shutterstock)
Lembrancinhas comestíveis como bem-casados ou macarons são sempre uma boa pedida. (Fonte: Shutterstock)

Se não quiserem abrir mão da lembrancinha de casamento, pensem em itens que possam ser bem aproveitados ou degustados. Os bem-casados continuam sendo uma boa opção, mas lembrem-se de substituir a embalagem descartável por tecido ou outro material que possa ser reaproveitado. 

Se quiserem fugir do comum nas lembrancinhas de casamento sustentáveis, mudinhas de ervas, sachês de folhas secas ou saquinhos de sementes são ecológicos e duráveis.

6. Optem por um menu vegetariano ou vegano para o casamento sustentável

Comidas frescas, orgânicas e opções sem carne ajudam a tornar o cardápio menos danoso ao planeta. (Fonte: Shutterstock)
Comidas frescas, orgânicas e opções sem carne ajudam a tornar o cardápio menos danoso ao planeta. (Fonte: Shutterstock)

Além de evitar o desperdício de alimentos, que tal oferecer um cardápio diferente e substituir a proteína animal por opções veganas ou vegetarianas? Afinal de contas, o alto consumo de carne é o maior causador das emissões danosas do efeito estufa.

Se essa opção for muito polêmica, ainda assim é possível diminuir o impacto ambiental do almoço ou jantar do casamento sustentável, dando preferência a alimentos orgânicos e produtores locais.

Sobrou muita comida? Veja se os alimentos podem ser doados (consulte a legislação do seu município) ou, se não for possível, ofereça uma marmitinha aos convidados. 

Fontes: Brides, June Bug Weddings, Joliz.

Posts relacionados

Joliz © 2021 - Todos os direitos reservados